Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.uricer.edu.br/handle/35974/356
Tipo de documento: Trabalho de Conclusão de Curso
Autor(es): Piacini, Ana Carolina
Orientador(es): Brustolin, Angela Maria
Título principal: Assistência de enfermagem à pacientes com lesão renal aguda em unidades de terapia intensiva: uma revisão integrativa
Publicação: 2021
Resumo: INTRODUÇÃO: A Insuficiência Renal Aguda (IRA) ou Lesão Renal aguda(LRA) se caracteriza pela perda súbita da função renal frequentemente seguida por oligúria, e fortemente relacionada ao aumento de morbidade e mortalidade do paciente, em curto e longo prazo. A associação dos fatores de risco, evolução clínica e as múltiplas intervenções no paciente na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) contribuem para o aumento das taxas de morbidade e mortalidade da LRA. Sendo assim se faz importante que o profissional enfermeiro possa se utilizar do raciocínio clínico e prática baseada em evidências para avaliar sinais precoces da evolução da insuficiência renal aguda e realizar planejamento de cuidados a fim de evitar a piora do quadro clínico. Objetivo: Identificar as produções científicas nacionais dos últimos cinco anos que abordem a assistência de enfermagem a pacientes com lesão renal aguda em unidades de terapia intensiva. Metodologia: Trata-se de uma revisão integrativa realizada a partir do Protocolo de Mendes, Silveira e Galvão (2008) com busca livre na BVS utilizando-se dos descritores enfermeiro, lesão renal aguda e unidade de terapia intensiva. As buscas foram realizadas nos meses de junho a julho de 2021. Como critérios de inclusão foram selecionados documentos completos, disponíveis em português e estudos realizados por enfermeiros. Foram utilizadas leituras exploratórias e seletivas, apoiadas em artigos científicos de estudos teóricos de bases eletrônicas. Resultados: Após buscas em base de dados foram encontrados 08 (oito) artigos e por meio da matriz de análise foi possível identificar diferentes cuidados com pacientes diagnosticados com LRA em UTI, sendo esses aspectos discutidos de forma específica nas categorias a seguir: Perfil clínico demográfico dos pacientes com LRA em UTI, desfecho e recuperação dialítica – atuação da enfermagem; Processo de enfermagem e validação de intervenção – aspectos predominantes para a recuperação dialítica; Busca de conhecimento para a melhoria da assistência de enfermagem aos pacientes com LRA em UTI. Conclusão: O papel do enfermeiro deve ser garantir uma assistência qualificada promovendo cuidado a partir de processos de enfermagem que são baseados em evidencias científicas. O objetivo dos profissionais deve ser assegurar a recuperação do paciente e uma alta hospitalar segura para que o mesmo possa voltar a sua rotina com a saúde reestabelecida. O tratamento pode ser mais satisfatório se os profissionais aprimorarem o conhecimento frente ao cuidado destes pacientes, considerando os sinais precoces que a doença apresenta. Também é relevante que as instituições promovam momentos de educação permanente aos profissionais, isso deve prevenir danos e minimizar do tempo de internação.
Abstract/Resumen: INTRODUCTION: Acute Kidney Failure (AKI) or Acute Kidney Injury (AKI) is characterized by the sudden loss of kidney function, often followed by oliguria, and strongly related to an increase in patient morbidity and mortality, in the short and long term. The association of risk factors, clinical evolution and multiple interventions in the ICU patient contribute to the increase in AKI morbidity and mortality rates. Therefore, it is important that the professional nurse can use clinical reasoning and evidence-based practice to assess early signs of the evolution of acute renal failure and carry out care planning in order to avoid the worsening of the clinical condition. Objective: To identify the national scientific productions of the last five years that address nursing care for patients with acute kidney injury in intensive care units. METHODOLOGY: This is an integrative review based on the Mendes, Silveira and Galvão Protocol (2008) with a free search in the VHL using the descriptors nurse, acute kidney injury and intensive care unit. The searches were carried out from June to July 2021. As inclusion criteria, complete documents, available in Portuguese, and studies carried out by nurses were selected. Exploratory and selective readings were used, supported by scientific articles from theoretical studies of electronic bases. RESULTS: After searching the database, 08 (eight) articles were found and through the analysis matrix it was possible to identify different care procedures for patients diagnosed with AKI in the ICU, and these aspects were discussed specifically in the following categories: Clinical demographic profile of AKI patients in the ICU, dialysis outcome and recovery – nursing role; Nursing process and intervention validation – predominant aspects for dialysis recovery; Search for knowledge to improve nursing care for patients with AKI in the ICU. CONCLUSION: The role of the nurse must be to guarantee qualified assistance, promoting care based on nursing processes that are based on scientific evidence. The professionals' objective should be to ensure the patient's recovery and a safe hospital discharge so that he can return to his routine with restored health. The treatment can be more satisfactory if professionals improve their knowledge regarding the care of these patients, considering the early signs of the disease. It is also relevant that institutions promote moments of permanent education for professionals, this should prevent damage and reduce the length of stay.
Assunto(s): Enfermagem
Lesão renal aguda
Unidade de terapia intensiva
Instituição: Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões
Sigla da Instituição: URI Erechim
Curso/Programa: Enfermagem
Departamento: Ciências da Saúde
Aparece nas coleções:Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Ana Carolina Piacini.pdf462,05 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.