Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.uricer.edu.br/handle/35974/364
Tipo de documento: Trabalho de Conclusão de Curso
Autor(es): Conci, Leticia
Orientador(es): Manfredini, Cibele Sandri
Título principal: Características de nascimentos em um hospital referência no atendimento de gestantes pelo sistema único de saúde, no período de agosto à novembro de 2021
Publicação: 2021
Resumo: A evolução da gestação é um processo fisiológico que deve ser visto pelas gestantes e pelas equipes de saúde como parte de uma experiência de vida saudável, onde ocorrem mudanças no corpo da mulher, fisicamente, socialmente e emocionalmente. O final esperado da gestação é o nascimento de um recém-nascido (RN) sadio e sem trauma para a mãe e concepto. Todavia em alguns casos isso não é possível devido a complicações durante o processo do nascimento (BRASIL, 2006). A realização do pré-natal desde o início da gestação até o nascimento é importante, visto que o acompanhamento é essencial para a prevenção e/ou detecção de comorbidades da gestante e do concepto, podendo assim, tornar a gestação o mais saudável possível. Na vivência acadêmica em um hospital de referência, para atendimento a gestantes pelo Sistema Único de Saúde (SUS), foi possível observar que os nascimentos que ali ocorrem são diversificados, ou seja, tem diferentes via de parto, idades gestacionais, idades das gestantes, realização do pré-natal e condições de saúde do recém-nascido. Entendendo que essas e outras variáveis podem influenciar no bem-estar da mulher e da criança surgiu o seguinte questionamento: Qual é o perfil dos nascimentos em um hospital de referência, para atendimento a gestantes pelo Sistema Único de Saúde (SUS)? Desta forma estabeleceu-se como objetivo geral deste estudo conhecer as características maternas e dos recém-nascidos em um hospital de referência, para atendimento a gestantes, pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Foi realizada numa maternidade de um Hospital no Norte do Rio Grande do Sul. Este hospital é referência regional para atendimento obstétrico de risco habitual e alto risco. A coleta de dados aconteceu no período de 16 de outubro a 16 de novembro. Participaram do estudo, dez binômios mãe/filho, pós-parto e nascimento, que estavam internados na maternidade da instituição hospitalar definida para o estudo, nos meses de outubro e novembro do ano de 2021. A mãe aceitou a participar voluntariamente do estudo e assinou o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), permitindo o acesso a seu prontuário e de seu filho recém-nascido. A partir do estudo, foi possível verificar que, as puérperas que realizaram o pré-natal adequadamente possuíram uma gestação mais tranquila e um nascimento saudável, já as que por alguma razão, não realizaram o acompanhamento adequado, vieram a ter intercorrências durante a gestação e o nascimento, podendo destacar dentre estas, o nascimento prematuro.
Abstract/Resumen: The evolution of pregnancy is a physiological process that must be seen by pregnant women and health teams as part of a healthy life experience, where changes occur in the woman's body, physically, socially and emotionally. The expected end of pregnancy is the birth of a healthy newborn (NB) without trauma to the mother and fetus. However, in some cases this is not possible due to complications during the birth process (BRASIL, 2006). Carrying out prenatal care from the beginning of pregnancy until birth is important, as monitoring is essential for the prevention and/or detection of comorbidities in the pregnant woman and the conceptus, thus making the pregnancy as healthy as possible. In the academic experience in a reference hospital, for the care of pregnant women by the Unified Health System (SUS), it was possible to observe that the births that occur there are diverse, that is, there are different modes of delivery, gestational ages, ages of pregnant women, prenatal care and the newborn's health conditions. Understanding that these and other variables can influence the well-being of women and children, the following question arose: What is the profile of births in a reference hospital for the care of pregnant women by the Unified Health System (SUS)? Thus, the general objective of this study was established to know the characteristics of mothers and newborns in a reference hospital, for the care of pregnant women, by the Unified Health System (SUS). It was carried out in a maternity hospital in the North of Rio Grande do Sul. This hospital is a regional reference for regular and high-risk obstetric care. Data collection took place from October 16th to November 16th. Ten mother/child, postpartum and birth binomials participated in the study, who were hospitalized in the maternity hospital of the hospital defined for the study, in October and November of 2021. The mother voluntarily agreed to participate in the study and signed on the Informed Consent Form (FICF), allowing access to your and your newborn child's medical records. From the study, it was possible to verify that the mothers who had adequate prenatal care had a calmer pregnancy and a healthy birth, as those who, for some reason, did not undergo adequate follow-up came to have complications during pregnancy and the birth, highlighting among these, the premature birth.
Assunto(s): Enfermagem
Características dos nascimentos
Patologias gestacionais
Pré-natal
Instituição: Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões
Sigla da Instituição: URI Erechim
Curso/Programa: Enfermagem
Departamento: Ciências da Saúde
Aparece nas coleções:Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Leticia Conci.pdf272 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.